Faça você mesmo o seu controle

Você pode fazer o seu controle ou modificar um antigo instalando freio, relé e transistor para variar a sensibilidade.

Para freio geralmente é utilizado um potenciômetro de 2 a 30 ohms e o transistor mais utilizado nos controles é o MJ 802. Para réplicas (motores mais fracos) pode-se utilizar o transistor TIP 142.

O relé garante uma “ligação direta” quando você acelera tudo, evitando as perdas dos cabos de aceleradores. Geralmente é utilizado um relé automotivo encontrado nas lojas de peças de automóveis.

Existem pistas com polarização POSITIVA e pistas com polarização NEGATIVA. Você precisa verificar a polarização da pista onde vai usar o seu controle, caso ligue trocado pode queimar o transistor.

Se você não tem certeza da polarização da pista e de seu controle procure um profissional na loja ou pista de sua cidade, os circuitos apresentados a seguir são exemplos a montagem fica por sua conta.

TransformaçãMonte seu controle com freio e transistor para pista negativa.

 

Instale um transistor para poder variar a sensibilidade de potência. Cada motor consome um valor de corrente e por isso o acelerador precisa fornecer a potência exata consumida pelo motor para não ficar muito forte nem muito fraco.

Com o potenciômetro de sensibilidade você pode controlar a sensibilidade do controle para cada motor deixando mais fraco ou forte de acordo com a sua tocada e motor usado. Para motores mais fortes geralmente é utilizado o transistor MJ 802 por suportar mais corrente.

Controle com transistor

Para réplicas é muito utilizado o transistor TIP 42 como indicado a seguir.

Controle com TIP 42 para réplicas

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.